Garfleet com garantias para frotas

machado santosMachado Santos, director-geral da Garfleet“Numa empresa que tenha 500 carros de frota há sempre uma tendência de se pagar mais do que é devido”. José Luís Machado Santos, o director-geral da Garfleet, diz que é esta a melhor forma de provar que o seu serviço pode trazer benefícios para as empresas.

A Garfleet é uma empresa que gere garantias automóveis. Desenvolve programas de extensão de garantias, contratos de manutenção e garantias de usados das marcas. Neste último caso, nos stands multimarca, faz gestão de garantia e garantia pura de usados. Mas faz também gestão transparente de frota. “Nunca houve um ciente que não tivesse pelo menos um ganho de 35% em relação à sua própria gestão da frota”, diz o director-geral da empresa.
 Em termos simples, o produto para frotas funciona do seguinte modo. A Garfleet responsabiliza-se por autorizar as manutenções das frotas e cobra um valor à empresa por esse serviço. “Ou seja, aquelas queixas habituais de que o cliente não sabe o que é que foi feito, deixa de acontecer porque nós conhecemos os tempários das marcas e é apenas isso que pagamos”, explica o gestor. “Essa defesa que o cliente poderá usufruir devido à nossa fiscalização é muito superior a um fee que nos pagam para fazer essa fiscalização”.

Com o registo feito através de um sistema informático da própria empresa, “fortíssimo” nas palavras de Machado Santos, é possível saber-se vários dados. “Quantos quilómetros é que os pneus de cada carro fizeram, qual foi a última vez que foram trocados e porque é preciso trocar de pneus quando estes deveriam estar novos”, cita o director da empresa sem sair do exemplo dos pneus.

No caso de a intervenção for de necessidade duvidosa, a Garfleet questiona a empresa a fim de saber se não quer anular o pedido que estava a fazer. “Essa é uma fatia da gestão que é extremamente importante para os custos de manutenção dessa mesma frota”, diz Machado Santos. “Penso que o caminho vai por aí e não ter um departamento dentro de casa para gerir essa própria frota. Sabemos quais são as melhores soluções de mercado para os utilizadores fazerem a manutenção e vamos utilizá-los sempre tendo em mente que o nosso cliente deve poupar dinheiro na sua manutenção”.

A Garfleet foca-se nos clientes que adquirem a sua própria frota e que, portanto, não utilizem renting. “As empresas de locação têm também este sistema de controlo de custos, embora não tão apurado como nós próprios, porque esse é o nosso core business”, aponta o director-geral. “Mas já tivemos algumas gestoras de frota que foram nossas clientes nas garantias de usados para os fins de contrato, mas não na parte de operação com clientes”.

O seu produto de frotas é dirigido para pequenas e médias empresas. Neste sistema de gestão tem cerca de 400 carros contratados. Desde uma empresa de limpezas com mais de 20 viaturas até mesmo outras apenas com meia dúzia de carros, o leque de clientes da Garfleet é muito diversificado.

Mas, no total, a empresa conta com 1250 clientes. Aos dez anos de mercado, metade dos clientes da Garfleet são marcas que fazem contratos de garantias. A Garfleet gere 1500 contratos de manutenção e cerca de 47 mil garantias. Grande parte dos restantes são stands multimarca, ao passo que apenas 10% dos serviços disponibilizados pela Garfleet são dirigidos a frotistas. “É um produto mais novo, que estamos a trabalhar há pouco tempo”, justifica Machado Santos.

Deixe o seu comentário