Grupo PSA com planos para carsharing e concorrer com a UBER e Cabify?

psa uber cabifyO Financial Times anunciou planos do grupo PSA para lançar no mercado um serviço de aluguer de viaturas com recurso ao smartphone, à semelhança do prestado pela Uber ou Cabify, por exemplo.

Esta intenção, notícia a publicação económica, é para estar a operar nos próximos três anos e vem na linha do trabalho de mobilidade que outros construtores automóveis também desenvolvem, como os grupos Daimler, General Motors, Toyota ou Volkswagen, por exemplo.

Contudo, nada disto é novo e já foi anunciado aquando da apresentação do plano de ação denominado “Push to Pass” para o período 2016-2021.

Em abril de 2016, Carlos Tavares, CEO do grupo PSA revelou que as linhas estratégicas do grupo para os próximos 5 anos são, entre outras, “ser um reconhecido prestador de serviços de mobilidade”.

Para tal, o construtor pretende “evoluir o seu modelo económico”, estabelecendo uma “estratégia tecnológica” que inclui “o lançamento de 7 veículos híbridos plug-in e 4 veículos elétricos, acrescendo a implementação do programa de veículos autónomos e conectados”, disse Carlos Tavares na apresentação do programa “Push to Pass”.

Revelou também que o grupo iria dedicar um montante de 100 milhões de euros em capital de risco para investimento em empresas no mundo da mobilidade, mais concretamente start-up que trabalham em tecnologia inovadora na área dos transportes, como sistemas de partilha de carro e aluguer de veículo a partir de uma APP.

E em julho deste ano, a Fleet Magazine anunciou a entrada do Grupo PSA no capital da TravelerCar, uma start-up que oferece novas soluções de estacionamento e de aluguer de viaturas, no âmbito do plano “Push to Pass”.

A notícia do Financial Times refere que para esta nova área de negócio, o grupo PSA (Peugeot, Citroen e DS) deve lançar uma nova marca automóvel e que a estratégia pode também fazer parte dos planos de regresso da actividade do grupo ao mercado norte-americano, onde os sistemas de aluguer e partilha de viatura estão mais implementados.