Kia Optima Sportswagon (MY 2016)

kia-optima-sportswagon-03
É a primeira carrinha da KIA para o segmento D, um modelo desenhado e concebido a pedido do mercado europeu.

Em 2015, as vendas desta classe em Portugal representaram cerca de 16.400 unidades. A Kia prevê que possam representar 16.800 veículos este ano e 17.500 unidades em 2017 e 2018.

No ano passado, cerca de três quartos das vendas deste segmento teve por destino as empresas, cabendo sensivelmente 62% a marcas premium. Pouco mais de 70% foram versões carrinhas.

As carrinhas vão representar 60% das vendas Seg. D em 2016, acredita o importador nacional da Kia, confiante de que este modelo o ajudará a atingir, pela primeira vez em Portugal, a fasquia das 5.000 unidades vendidas.

Tal como o sedan de 4 portas, o desenvolvimento da carroçaria Sportswagon obedeceu a 3 principios chave: design, qualidade de construção e integração de avançada tecnologia de condução, conectividade e segurança.

Com dimensões bastante semelhantes ao sedan, a versão carrinha prolonga de forma equilibrada as linhas dinâmicas do Optima. Distingue-se deste pela maior funcionalidade da zona da mala, com 552 litros de capacidade de mala (extensível até aos 1686 litros) pela disição 40:20:40 do encosto do banco traseiro e por um conjunto de funcionalidades que reforçam o lado prático da bagageira do Optima Sportswagon.

O Kia Optima passa a estar disponível em Portugal com dois níveis de equipamento: TX (que já existia) e GT Line, que assume a função de todo de gama.

Preços do Kia Optima Sportswagon em Portugal

Kia Optima SportswagonO Kia Optima Sportswagon 1.7 CRDi TX com caixa manual de 6 velocidades vai estar disponível em Portugal a partir de 38.431,88 euros, mas a campanha de lançamento do produto prevê um desconto ed 6 mil euros caso inclua financiamento da marca (32.431,88 euros).

O mesmo nível de equipamento com transmissão automática de 7 velocidades será proposto por 41.021,88 euros (35 021,88 euros em campanha), enquanto a versão GT Line disporá exclusivamente de uma versão com caixa automática proposta por 44.021,88 euros (38.021,88 euros em campanha).

Os valores em campanha para particulares são sensivelmente os propostos para empresas, podendo estas beneficiar de melhores valores consoante o seu grau de comprometimento com a marca.

Recorde-se que o importador nacional está a fazer uma forte aposta no mercado profissional, consciente de que o crescimento da Kia em Portugal vai depender do aumento das vendas às empresas.

Kia Optima Sportswagon em Portugal só com motor 1.7 CRDi

kia-optima-sportswagonO único motor disponível em Portugal é a unidade 1.7 CRDi com 141 cv e 340 Nm de binário, equipada com caixa manual de 6 velocidades ou com a nova transmissão automática de 7 velocidades de dupla embraiagem.

O valor das emissões de CO2 vai dos 113 g/km nos modelos com caixa de velocidades manual aos 120 g/km nos modelos com caixa de 7 velocidades com dupla embraiagem (combinado, com Idle Stop & Go).

Os modelos com caixa manual têm consumos de 4,4 l/100 km (combinado, com ISG), ao passo que os modelos equipados com caixa de dupla embraiagem apresentam valores de 4,6 l/100 km.

Especificamente afinada ao gosto dos condutores europeus, a suspensão o Optima Sportswagon tem capacidade para fornecer amortecimento individual a cada roda em função do perfil de condução.

Equipamento do Kia Optima Sportswagon

kia-optima-sportswagon-1Dependendo do nível de equipamento – TX ou GT Line – os mais avançados sistemas de segurança e de entretenimento estão disponíveis no Kia Optima:

• Smart Cruise Control (SCC) avançado, que ajusta automaticamente a velocidade do Optima de modo a manter uma distância segura em relação aos veículos que seguem à sua frente (de série no GT Line)

• Travagem Autónoma de Emergência (AEB)*, que recorre a um sistema de deteção por câmara e radar de longo alcance para identificar situações de potencial colisão com outros veículos ou peões, ajudando nesses casos o Optima a parar (de série no GT Line).

• Sistema de Assistência à Manutenção na Faixa de Rodagem (LKAS), que deteta a posição do Optima em relação às marcações das faixas de rodagem e adota automaticamente medidas corretivas se o veículo começar a desviar-se da sua faixa sem ter dado indicação prévia de que iria fazê-lo (de série em todas as versões)

• Assistente de Máximos (HBA), que ajusta automaticamente o alcance dos faróis de acordo com os outros veículos e com as condições da estrada (de série em todas as versões).

• Função de Informação do Limite de Velocidade (SLIF), que exibe o limite de velocidade no painel de instrumentos com base em câmaras que detetam os sinais de trânsito (de série em todas as versões).

• Deteção do Ângulo Morto (BSD), que emite um aviso visual nos retrovisores exteriores sempre que outro veículo entra no ângulo morto do condutor (de série no GT Line).

• Alerta de Tráfego Traseiro (RCTA), que avisa o condutor relativamente a outros veículos que circulam por trás do Optima em parques de estacionamento quando este se desloca em marcha-atrás (de série no GT Line).

O sistema AEB do Optima Sportswagon oferece não só um radar de curto alcance mas também uma opção de longo alcance capaz de identificar viaturas e peões a maior distância e a maior velocidade do que outros modelos.

Quando o radar e a câmara do Optima Sportswagon detetam simultaneamente um eventual perigo de colisão, o veículo alerta primeiro o condutor através dos habituais avisos visuais e sonoros, seguidos de uma travagem de emergência autónoma caso seja necessário.

Dependendo da situação, os avisos visuais e sonoros podem ativar-se simultaneamente com o sistema AEB.

No “modo Cidade”, o AEB varre a estrada à sua frente à procura de veículos parados, ajudando assim a evitar ou mitigar os efeitos de uma colisão frontal quando o Optima viaja a velocidades entre os 8 e os 60 km/h.

O “modo Urbano” deteta colisões potenciais com outros veículos em andamento, estando o AEB ativo a velocidades de aproximação do Optima Sportswagon ao veículo da frente compreendidas entre os 8 e os 80 km/h.

Além disso, o AEB possui uma função de deteção de peões, concebida para identificar peões quando o veículo se desloca a velocidades entre os 8 e os 60 km/h, ajudando a reduzir ou atenuar os efeitos de uma eventual colisão.

(Visited 520 times, 1 visits today)