Kia Niro antecipa uma nova geração de soluções mais eficientes (com galeria)

kia-niroO Kia Niro vem dar resposta a duas tendências dos consumidores: é um crossover e tem mecânica híbrida.

Mas uma coisa o distingue dos demais: uma caixa de velocidades automática de dupla embraiagem e 6 velocidades que, diz a Kia, é capaz de conferir mais entusiasmo à condução e de torná-la mais próxima de um carro com motor tradicional de combustão, do que uma caixa de variação continua (CVT),

O Kia Niro foi concebido sobre uma nova plataforma, mais leve e pensada de raiz para receber soluções ecologicamente mais favoráveis, preparada para acolher motores híbridos e versões 100% elétricas.

Com a aparência de um SUV, mas centro de gravidade rebaixado para reforçar a aerodinâmica, a primeira versão a chegar ao mercado é apenas híbrida (plug-in só a partir de setembro/outubro de 2017) e custa pouco mais de 27 mil euros, preço de campanha (31.390 euros, de tabela, desconto de 4200 euros).

O sistema híbrido, idêntico ao do Hyundai Ioniq, é montado em paralelo para obter melhor rendimento e permitir uma resposta mais rápida. Contudo, esta solução penaliza geralmente a acumulação de energia, o que reduz o funcionamento 100% elétrico.

Utiliza o motor 1.6 GDI a gasolina com 105 cv, enquanto a unidade elétrica debita 44 cv. A potência total conjunta é de 141 cv, para um binário máximo de 265 NM.

Com emissões CO2 de 101 g/km, o consumo médio anunciado é de 4,4 litros com jante de 18”, enquanto uma versão mais eficiente com jante 16 anuncia 88 g/km e misto de 3,9 litros.

 

Características do Kia Niro

 

kia-niroO Kia Niro mede 4,36 metros de comprimento e 1,54 metros de altura. É, portanto, cerca de 5 cm mais curto e 5 cm mais alto do que um Ceed de 5 portas, 10 cm mais baixo e cerca de 12 cm mais curto do que o Sportage. A distância ao solo é de cerca de 16 cm.

A distância entre eixos mais elevada – 2,7 metros favorece a habitabilidade e ainda o espaço de mala: 427 litros, ou 1425 litros com os encostos dos bancos traseiros rebatidos.

Para melhorar o espaço interior, a bateria de iões de lítio que alimenta o sistema híbrido fica colocada sob o assento traseiro. Já a tradicional de 12 V, por razões de espaço, foi instalada em zona protegida na mala do carro.

O Niro pode conter todo o equipamento que a Kia oferece nos restantes modelos da marca, bem como beneficiar dos mesmos 7 anos de garantia, como é o casos dos sistemas de alerta de tráfego traseiro, de auxílio à manutenção na faixa de rodagem, de deteção do ângulo morto, controlo de velocidade de cruzeiro inteligente ou travagem autónoma de emergência, por exemplo.

O Kia Niro encerra ainda uma outra inovação: um sistema que, em conjunto com o sistema de navegação, ajuda a realizar uma condução mais eficiente: além de avisar o condutor para a necessidade de começar a travar mais cedo (evitando travagens mais bruscas após acelerações mais prolongadas), gere o sistema híbrido, antecipando subidas (o sistema elétrico auxilia o motor de combustão) e antecipando descidas (para regenerar energia destinada a carregar baterias).

(Visited 350 times, 1 visits today)