Abril 2017: venda de comerciais na União Europeia

O registo de veículos comerciais da União Europeia caiu 7,2% em abril de 2017, totalizando 181.434 unidades.

A procura diminuiu em todos os segmentos, com o Reino Unido (-14,9%) e a Alemanha (-11,8%) a registarem as maiores quedas.

Também Espanha (-1,0%) e França (-0,4%) reduziram as vendas em comparação com o mesmo mês de 2016.

Nos primeiros quatro meses de 2017, o mercado está a crescer 3,8% e soma já 788.181 novos veículos comerciais novos.

Neste período, Espanha (+ 14,5%) e Itália (+ 8,2%) registaram as maiores aumentos, seguido pela França (+ 6,7%) e Alemanha (+ 2,0%), enquanto o Reino Unido diminuiu ligeiramente (-3,1%).

Na classe dos veículos comerciais ligeiros novos (LCV), em abril 2017, o número de novos registos foi de 148.185 unidades, ou seja, menos 7% do que no mesmo mês do ano passado.

Mais uma vez, Reino Unido (-18,8%), Alemanha (-10,2%) e Itália (-7,9%) reduziram significativamente os novos registos, enquanto o Espanha (+ 1,1%) e França (+ 0,5%) obtiveram um crescimento modesto.

De janeiro a abril de 2017, 653.025 novos comerciais ligeiros foram matriculados na UE, mais 4,3% em relação ao mesmo período de 2016 (626.358 unidades).

O Reino Unido (-4,9%) é o único grande mercado a reduzir a procura, enquanto Espanha (+ 17,3%), França (+ 7,6%), Itália (+ 4,8%) e Alemanha (+ 3,6%)estão a crescer.

Em abril de 2017, Portugal registou um forte impulso na procura de comerciais (20,4%), com o mercado desde o início do ano mostrar uma subida de 10,6%.

Pode consultar AQUI esses números, bem como uma análise ao comportamento das marcas automóveis em Portugal.

Pode ainda descarregar AQUI as listas europeias das vendas de veículos comerciais.

(Visited 50 times, 1 visits today)