Agosto 2017: matriculas crescem 11,5% ao mês e 8,6% desde janeiro. Eis os valores

Como a Fleet Magazine antecipou há vários meses, o comércio de carros novos em Portugal está a crescer bastante acima das expectativas apontadas pelos analistas.

No global, o mercado de ligeiros está a crescer 8,6% desde o início do ano, quando as previsões apontavam para 2 ou 3%.

Apesar do mês de agosto ser, por tradição, o mês mais fraco em vendas, em 2017, o comércio de carros ligeiros novos em Portugal voltou a crescer acima da média das vendas dos primeiros 8 meses do ano.

Contudo, apesar do aumento de 11,7% no número de matriculas de carros ligeiros face ao mesmo mês do ano anterior, agosto voltou a ser o mais fraco do ano até ao momento, matriculando menos 6.166 unidades do que no mês anterior.

No total, foram matriculados 14.414 veículos ligeiros (passageiros e comerciais), quando em julho de 2017 esse valor foi de 20.580 unidades, segundo tabelas elaboradas pela ACAP.

Entre os ligeiros, os modelos comerciais continuam em alta: 12,7% em agosto, representando 20,75% das vendas totais de ligeiros.

Já as versões de passageiros treparam 11,5% (11.937 unidades).

Por marcas, estes são os factos que merecem destaque:

  • Não há grandes novidades no pódio: Renault, Peugeot e Volkswagen, por esta ordem, ocupam as 3 primeiras posições, com a Volkswagen a ser quase ultrapassada pela Mercedes-Benz na terceira posição;
  • De facto, a Mercedes-Benz tentou voltar a ser a marca com mais ligeiros de passageiros matriculados em Agosto, mas ficou a escassas 41 unidades da Renault, a mais vendida neste mês
  • A Audi inverteu a tendência de quebra de quota anual de mercado e está a crescer 1% graças a uma subida de 26,9% em agosto. As outras duas marcas representadas pela SIVA (Volkswagen e Skoda), mantêm tendência inversa, com a marca checa a quebrar 32,2% em agosto;
  • A FIAT segura a 5.º lugar graças a uma variação positiva de 21,7% em agosto;
  • A liderança da Renault continua muito bem defendida, com uma subida de 18,6 % desde o início de 2017 e mais 7 797 unidades ligeiras do que a segunda mais vendida, a Peugeot;
  • Em destaque, as variações positivas da Toyota (37,5 %) e da Hyundai (41,4 %);
  • As duas marcas principais do grupo PSA (Peugeot e Citroen) tiveram um crescimento percentual igual em agosto: 16,2%. Já a Opel cresceu 24,2 %, ficando a menos de 700 unidades da Citroen, no total do ano;
  • As vendas de agosto mostram também a recuperação da BMW, apesar do crescimento continuar bastante abaixo da média do mercado;
  • Quanto aos carros comerciais, Peugeot, Fiat, Opel e Toyota são, entre as principais 10 marcas, as que mais subiram nas vendas do mês, em contraste com a Renault que viu o valor mensal voltar a descer 4,9% neste mês;
  • Ainda nos comerciais, apesar da ainda pouca expressão numérica, a Hyundai prossegue a sua expansão no segmento do mercado profissional: cresceu 185,7% em agosto e, desde janeiro, já subiu 280%!;

Pode descarregar AQUI as tabelas de matrículas de agosto de 2017 disponibilizadas pela ACAP.