Gasolina ou gasóleo? As diferenças de consumo em viaturas do grupo PSA

Para defender a validade dos seus novos motores a gasolina, a PSA tem envidado esforços para demonstrar o avanço dos seus modelos com este género de motores sobre a concorrência.

Carros das marcas Peugeot, Citroen e DS, com mecânicas a gasolina e a gasóleo, estiveram para isso envolvidas em testes de consumo dos dois combustíveis, numa iniciativa auditada pela Bureau Veritas e pela France Nature Environnement, com a participação da Federação Europeia de Transportes.

O estudo concluiu que, em média, um veículo a com motor a gasóleo (no caso do grupo PSA, motores 1.6 e 2.0) consome menos 1,5 litros/100 km do que um de gasolina.

Nos automóveis de passageiros, estes testes indicam um consumo médio de combustível de 5,8 l/100 km, confirmando um diferencial médio de 1,74 l/100 km face aos consumos homologados oficialmente.

O consumo de combustíveis é também menor em carros com caixa de velocidades manual, contradizendo os resultados do próprio grupo que indicam geralmente valores de CO2 mais baixos para os veículos com transmissão automática.

O grupo PSA tem vindo a apostar fortemente em motores a gasolina 1.2, com vários níveis de potência, acreditando que a procura desta solução vai crescer na Europa e que as autoridades vão penalizar cada vez mais as soluções a gasolina.

Pela prática, a maioria dos condutores e gestores de frota já sabe que os desvios de combustível são mais fáceis de acontecer com motores a gasolina. Este estudo comprova isso mesmo, ao revelar que um automóvel a gasóleo é menos sensível ao estilo de condução.

Mais importante, este estudo apurou que os dados fornecidos pelo computador das viaturas são confiáveis e que, em condução urbana, existe uma variação de cerca de 2,5 litros, a mais, entre os consumo real e os dados anunciados pelo fabricante.

Os proprietários das três marcas do grupo têm vindo a saber, há mais de um ano, o resultado das emissões reais medidas em cada modelo do grupo, bem como a poder acompanhar os testes mais recentes no respetivo site da marca de 12 países europeus.

O mesmo acontece com a Opel ainda mesmo antes de ser divulgada a sua compra pelo grupo PSA.

A página portuguesa das marcas francesas não disponibiliza ainda essa informação.

Pode descarregar aqui o relatório técnico das emissões.relatório tecnico emissões (em inglês)