A Lexus vai apostar mais nas empresas, disse à Fleet Magazine o novo diretor-geral da marca, Nuno Domingues.

“A marca tem em vigor para o ano de 2018 um programa de incentivos que confere aos ENI e empresas acesso a descontos de frota mais competitivos”, disse.

(veja a versão do IS300 para empresas)

Para já, a aposta neste segmento tem sido o Lexus Privilege, um produto orientado para o ciclo de troca, com três opções:

a) Trocar a viatura adquirida por outra nova, mantendo uma mensalidade igualmente competitiva;

b) Manter ou prolongar a viatura e, eventualmente, refinanciar o valor referente à última mensalidade;

c) Devolver a viatura, sem risco de valor residual, desde que cumpridas as condições contratuais de devolução.

 

Renting em nome próprio

Mas para 2018, a marca tem previsto a introdução de um produto próprio de renting, ainda que no presente momento esteja presente no mercado com todas as gestoras de frota.

Como todos os modelos da Lexus têm tecnologia híbrida, a marca realça algumas vantagens em termos de custos de manutenção:

  1. Inexistência de turbo
  2. Inexistência de filtro de particulas
  3. Inexistência de  alternador
  4. Inexistência de bomba (hidraúlica ou mecânica) de direção e ar-condicionado
  5. Inexistência de embraiagem
  6. Discos de travão de menor dimensão
  7. Pastilhas de travão de menor dimensão
  8. Menor desgaste de pneus, pelo maior equilíbrio de peso entre a frente traseira