Junho 2018: mercado automóvel cresce 6,3% e traz novidades no pódio

205

O número de matriculas de carros novos em Portugal continua a crescer acima da média europeia, sinal de que as marcas estão a aprovisionar stocks para depois de 1 de setembro, altura em que os modelos serão oferecidos como “km0”.

Também por razões que se prendem com as medidas que vão vigorar a partir de 1 de setembro, algumas empresas anteciparam a compra de algumas unidades.

Por seu turno, do lado dos particulares, junho e julho também são, por tradição, meses com algum volume, face ao aumento do poder de compra por efeito do pagamento do subsídio de férias.

– No que toca a valores totais, estes são os destaques do mercado:

  • Total de matriculas de ligeiros de passageiros em junho: 26.162 unidades, mais 5,3% face ao mesmo mês de 2017
  • Total de matriculas de ligeiros de passageiros desde janeiro: 134.506 unidades, mais 5,8% face ao mesmo período de 2018
  •  Total de matrículas de comerciais ligeiros em junho: 4.270 unidades, mais 12,8% face ao mesmo mês de 2017
  • Total de matrículas de comerciais ligeiros desde janeiro: 19.363 unidades, mais 3,6% face ao mesmo período de 2018

– No que se refere às marcas automóveis, uma novidade:

  • Fiat chega ao pódio logo atrás da Renault e da Peugeot. A marca italiana alcança a terceira posição em junho e no acumulado do ano na classe dos ligeiros de passageiros e no total de viaturas ligeiras (que inclui comerciais);
  • A Fiat já detém 6,82% de quota de mercado dos passageiros e 7,13% da soma de todos os veículos ligeiros. Um crescimento balanceado na forte presença do RaC e ainda em campanhas comerciais bastante agressivas;
  • No TOP5 é a marca que apresenta maiores taxas de crescimento. Mas o grupo FCA está também a subir os valores das marcas Jeep e Alfa Romeo, apesar de ainda com volumes pouco representativos;
  • A Renault continua líder incontestável do mercado, mas cresce a um ritmo percentual inferior ao da Peugeot, a segunda classificada em todas as categorias;
  • Neste aspeto, de realçar a boa prestação da Peugeot nos comerciais, superior ao da Citroën;
  • A Seat teve uma quebra em junho mas é, entre as principais marcas do grupo Volkswagen, a única com resultados positivos no acumulado do ano;
  • A prestação das marcas representadas pela SIVA em Portugal continua em contraciclo do que já acontece no mercado europeu;
  • No TOP10 dos ligeiros de passageiros, a Citroën é a marca com maior crescimento percentual, beneficiando da excelente receptividade da gama C3 em Portugal (tal como na Europa);
  • Assinale-se o registo de 7 modelos da marca Alpine em junho. A nova marca de desportivos do grupo Renault estreou-se na tabela no passado mês de maio.

Esta é a tabela de Matriculas de veículos em Portugal em junho de 2018