A Nissan e a NASA anunciaram que vão expandir investigações conjuntas no âmbito dos serviços de mobilidade autónoma.

A atualização deste vai ajudar a Nissan a desenvolver tecnologias para protótipos autónomos de serviços de transporte.

Ao abrigo dos termos da parceria de investigação e desenvolvimento de cinco anos, os investigadores do Centro de Investigação da Nissan em Silicon Valley e do NASA Ames têm estado a trabalhar em conjunto para desenvolver os sistemas de veículos autónomos.

Em janeiro de 2017, no CES em Las Vegas, a Nissan apresentou a Mobilidade Autónoma Contínua (SAM) da Nissan, uma nova plataforma para gestão de frotas de veículos autónomos, desenvolvida a partir da tecnologia da NASA.

Esta nova fase na colaboração vai basear-se nesse sucesso para desenvolver ainda mais a tecnologia e testar a utilização da SAM para gestão de serviços de transporte autónomos, antes da fase da sua implementação pública.

“Construímos a SAM a partir de tecnologia desenvolvida pela NASA para gerir “rovers” interplanetários enquanto estes se deslocam por paisagens imprevisíveis”, disse Maarten Sierhuis, diretor do Centro de Investigação da Nissan em Silicon Valley.

“O nosso objetivo é implementar a SAM para ajudar organizações terceiras a integrar em segurança uma frota de veículos autónomos num ambiente urbano imprevisível, por exemplo, serviços de táxis, transportes públicos ou serviços de entregas e logística. A etapa final do nosso acordo de investigação existente com a NASA vai aproximar-nos desse objetivo e testar a SAM num contexto funcional em ruas públicas”, concretizou Maarten Sierhuis

“Um dos objetivos estratégicos da NASA é a transferência da tecnologia desenvolvida de para os objetivos de missões e programas da NASA para aplicações sociais e comerciais mais abrangentes”, disse Eugene Tu, Diretor de Centro NASA Ames.

“Utilizando o trabalho da NASA na área de robótica para acelerar a implementação dos serviços de mobilidade autónoma é um exemplo perfeito da forma como o considerável trabalho necessário para fazer progredir a exploração do espaço também pode fazer avanços pioneiros aqui na Terra”, concluiu.

Esta colaboração de investigação com a NASA faz parte da abordagem da Nissan à evolução da tecnologia e do negócio da indústria automóvel, denominada Mobilidade Inteligente da Nissan.

Esta abordagem desenrola-se em três vectores de trabalho de inovações interrelacionadas na condução autónoma (Condução Inteligente), eletrificação (Energia Inteligente) e tecnologias de infraestrutura (Integração Inteligente).

A SAM representa um enorme marco na Integração Inteligente da Nissan, proporcionando a infraestrutura necessária para integrar facilmente os serviços de mobilidade autónoma nos ambientes urbanos existentes.