A Peugeot já tem disponível para encomenda os modelos 3008 Hybrid4 (4×4) e Hybrid (4×2) e os 508 Berlina e 508 SW Hybrid.

Estas versões chegam no início de 2020 e servem, segundo a Peugeot, como complemento às versões térmicas de ambos os modelos.

3008 Hybrid4 e 3008 Hybrid

A tecnologia híbrida Peugeot está presente no universo SUV.

No caso do 3008 Hybrid4, disponível em Portugal já a partir de janeiro de 2020 nos níveis de equipamento GT Line e GT, o grupo motor com 300 cv de potência combinada e um binário de 520 Nm perfila-se como o mais potente da marca. Assim, dividindo o grupo propulsor, há dois dois motores elétricos de 80 kW que se juntam a um motor a gasolina de 200 cv.

A autonomia em modo elétrico do 3008 Hybrid4 vai até 59 km e o consumo combinado é de 1,3l/100 km e as emissões de CO2 situam-se nos 30 g/km.

Já o 3008 Hybrid possui uma potência combinada de 225 cv. O motor elétrico de 80 kW junta-se ao motor a gasolina de 180 cv. Este grupo propulsor emite um mínimo de 49 g/km de CO2 e estará disponível em Portugal nas versões ALLURE, GT LINE e GT.

A bagageira destes dois modelos tem uma capacidade de carga de 395 litros.

508 Hybrid e 508 SW Hybrid

Em ambos os modelos, homologados ao abrigo do protocolo WLTP, encontra-se um motor PureTech de 180 cv e um motor elétrico de 80 kW. Com este conjunto propulsor, a marca anuncia emissões de de CO2 a partir de 28 g/km e consumos combinados de 1,3l/100 km para a berlina 508 Hybrid. Já no 508 SW Hybrid, as emissões de CO2 começam nos 30g/km, sendo que o consumo combinado é igual ao da berlina.

A Peugeot anuncia uma autonomia elétrica de 54 km para a berlina 508 e de 52 km para o 508 SW.

O construtor afirma que a habitabilidade foi preservada e a capacidade de bagageira mantém-se idêntica à das versões com motor de combustão (487 litros no 508 e 530 litros no 508 SW).

Na gama 508 Hybrid, o utilizador pode optar pelos níveis de equipamento ALLURE, GT LINE e GT.

“A aposta da PEUGEOT na eletrificação torna-se uma realidade. Podemos receber pedidos de encomenda dos PEUGEOT 508 Hybrid, 508 SW Hybrid, 3008 Hybrid4 e 3008 Hybrid em toda a nossa Rede de Concessionários, além do elétrico e-208. A nossa gama híbrida espelha qualidade, design e uma inigualável experiência de condução, associada a um nível de emissões e valores de consumo entre os mais baixos das respetivas categorias”
– Hélène Bouteleau, Diretora Geral da Peugeot para Portugal e Espanha

Carregamento

Na gama híbrida Peugeot, o onboard charger de 3,7 kW é de série, mas há a opção de adquirir um onboard charger de 7,4 kW.

É possível carregar a bateria numa tomada doméstica convencional (Modo 2) em menos de sete horas; Numa tomada reforçada do tipo Green’up (3,2 kW, de 14A) esse tempo é reduzido para quatro horas. No caso de possuir uma Wallbox de 32A e 7,4 kW, esse tempo fica-se pelas 1h45.

Além disto, diz a Peugeot que, com o intuito de apoiar os clientes numa transição para as soluções eletrificadas Plug-in, oferecerá uma Wallbox monofásica de 7,4 kW e a instalação base aos seus clientes.

Modos de condução

Todas as versões anunciadas possuem quatro diferentes modos de condução. A saber:

  • Electric
  • Hybrid
  • Sport
  • Presente no 3008 Hybrid4 há o modo de condução 4WD (4 Rodas Motrizes).

Funções de condução

  • Brake: permite a desaceleração do veículo sem recurso ao pedal do travão. Funciona como um travão-motor e permite a recarga da bateria em situações de descida, por exemplo
  • e-SAVE: permite antecipar a deslocação com a possibilidade de reservar uma autonomia elétrica (10 km, 20 km ou a carga total da bateria)
  • Travagem pilotada: de forma a aumentar a autonomia em andamento 100% elétrico, a travagem i-Booster recupera instantaneamente a energia durante travagem ou desaceleração

Preços