A Citroën apresentou o ë-Jumpy, o comercial compacto 100% elétrico que integra a estratégia “Inspired by Pro” da marca francesa.

A estratégia “Inspired by Pro” da marca francesa é composta por soluções feitas à medida dos clientes profissionais, seja através dos produtos (gamas Berlingo Van, Jumpy e Jumper) ou na rede de concessionários, com o conceito comercial “La Manufacture” a demonstrar a ambição da Citroën em fornecer aos seus clientes padrões específicos em termos de acolhimento, personalização e conforto.

Parte de uma ofensiva de eletrificação que arrancou com o lançamento do C5 Aircross SUV Hybrid e do Ami, o ë-Jumpy posiciona-se assim num segmento cada vez mais procurado pelas empresas, que enfrentam desafios de mobilidade nos grandes centros urbanos.

Citroën ë-Jumpy

O Citroën ë-Jumpy chega aos concessionários na segunda metade de 2020, ao qual se seguirão as versões 100% elétricas do Jumper, no final deste ano, e do Berlingo Van, em 2021.

Com mais de 145 mil unidades vendidas, o Jumpy evolui assim a sua gama para corresponder à transição energética atualmente em curso e apresenta-se numa versão BEV (Veículo Elétrico a Bateria), com alguns detalhes que o diferenciam da versão térmica, como é o caso da portinhola de acesso à tomada de carga no guarda-lamas dianteiro esquerdo, da entrada de ar intermédia na grelha dianteira ou do novo monograma elétrico “ë” à direita da grelha e na porta traseira esquerda.

Extra-small, porém espaçoso

Este furgão estará disponível em três comprimentos, entre os quais a nova versão XS de 4,60 metros – indicada pela marca para utilização urbana e em zonas de baixas emissões. Com um comprimento de 4,60 metros e um volume de carga que pode atingir os 5,1 metros cúbicos, o ë-Jumpy XS possui ainda uma câmara 180º de ajuda ao estacionamento dianteiro e traseiro, além de retrovisores rebatíveis.

A juntar à versão XS estão disponíveis a versão M, de 4,95 metros de comprimento e a versão XL, de 5,30 metros de comprimento.

Todas as versões estão limitadas a uma altura exterior de 1,90 metros, o que permite o acesso a estacionamentos subterrâneos.

O Citroën ë-Jumpy pode chegar aos 1.275 kg de carga útil (apenas nas versões equipadas com bateria de 50 kWh de capacidade). O peso da carga rebocável pode atingir uma tonelada em todas as versões e, além disso, a largura útil entre a cava das rodas (de 1,25 metros) permite a carga de euro paletes.

Citroën ë-Jumpy

Eletrificado

Construído com base na plataforma multienergias EMP2 do Groupe PSA, o ë-Jumpy é proposto em dois níveis de bateria:

  • 50 kWh, formada por 18 módulos, com um nível de autonomia de 230 km em ciclo WLTP (disponível nas silhuetas XS, M e XL)
  • 75 kWh, formada por 27 módulos, com um nível de autonomia de 330 km em ciclo WLTP (disponível nas silhuetas M e XL)

A bateria de iões de lítio do ë-Jumpy, coberta por uma garantia de 8 anos ou 160 mil km, é alojada no chassis do furgão, permitindo preservar o volume de carga útil.

Com uma potência de 100 kW (136 cv) e 260 Nm de binário, o Citroën ë-Jumpy tem uma velocidade máxima anunciada de 130 km/h em qualquer um dos modos de condução (Eco, Normal ou Power).

  • Eco: otimização do consumo de energia. Reduz o desempenho do aquecimento e do ar condicionado (AC) sem os desativar e limita o binário e a potência do motor
  • Normal: dito pela Citroën, é o “melhor compromisso entre autonomia e prestações dinâmicas”
  • Power: permite ao veículo com peso de carga máximo, um desempenho equivalente ao modo Normal com tara normal

Para carregamento, sempre feito no modo Parking, há três possibilidades:

  • Carregamento doméstico com cabo modo 2
    Compativel com uma tomada standard de 8A (cabo de série)
    Compatível com uma tomada reforçada de 16A (estojo mais tomada Green’Up opcional), com a possibilidade de divisão dos tempos de carregamento em dois
  • Carregamento rápido, com necessidade de instalação de Wallbox e cabo modo 3 (opcional)
    Cabo 32A
    Wallbox de 3,7 a 22 kW
    Carregamento total da bateria em 8 horas (Wallbox com pelo menos 7,4 kW)
  • Carregamento super rápido no posto público modo 4 (cabo integrado no carregador)
    Até 100 kW
    Permite carregar 80% da bateria de 50 kWh em 30 minutos e a de 75 kWh em 45 minutos

Utilizando a app My Citroën, é possível gerir a carga da bateria e saber o estado da carga e autonomia restante no ë-Jumpy, acionar o pré-condicionamento térmico do habitáculo à distância e parametrizar um carregamento diferido.

Comerciais ligeiros Citroën, Peugeot e Opel 100% elétricos já em 2020

Citroën ë-Jumpy

Quatro versões de equipamento

O Citroën ë-Jumpy apresenta-se em quatro versões com equipamento complementar:

  • Control: entrada de gama, com rádio MP3 Bluetooth, retrovisores elétricos e aquecidos e travão de estacionamento elétrico
  • Club: aquela que a marca denomina de “coração da gama”, inclui todos os equipamentos da versão Control com adição do AC e da ajuda ao estacionamento
  • Driver: inclui todos os elementos da versão Control com rádio DAB e Pack AFIL (Alerta de Transposição Involuntária de Faixa, Alerta de Atenção do Condutor, Comutação Automática de Máximos e Reconhecimento Alargado da Sinalização)
  • CityVan: orientada para os centros urbanos, esta versão inclui a VisioPark câmara 180º e acesso e arranque do motor mãos livres.

Ajudas ao condutor

A Citroën diz que equipamentos como o Acesso com os braços carregados, o Head-up Display e o Acesso e arranque do motor em modo mãos livres são inéditos neste segmento. No primeiro caso, a função Portas Laterais Deslizantes mãos livres permite abrir e fechar as portas laterais sem contacto manual. Basta ao condutor passar o pé sob o canto do pára-choques traseiro para destrancar o ë-Jumpy e abrir automaticamente a porta deslizante correspondente ao movimento com o pé.

Através da app Free2Move Services, o condutor do Citroën ë-Jumpy tem acesso a uma lista de 160 mil postos de carregamento públicos, com a localização e disponibilidade dos postos compatíveis a ser exibida na app.

Além disso, pode planificar o melhor trajeto em função da autonomia do ë-Jumpy, a temperatura exterior, o relevo da estrada ou o tipo de condução, além de poder pagar diretamente os carregamentos através da app.