Dada a crescente procura de modelos eletrificados Recharge, a Volvo anunciou o aumento da capacidade de produção de veículos elétricos na sua fábrica belga de Gent.

As vendas de soluções eletrificadas Volvo, em percentagem do total de unidades comercializadas, mais do que duplicaram em 2020 quando comparadas com o ano anterior.

A marca estima que em 2022 a capacidade de produção de veículos elétricos na fábrica de Gent seja o triplo do valor atual, atingindo assim 60% da capacidade total daquela unidade.

volvo gent

Para este ano está previsto o início da produção de um segundo modelo 100% elétrico baseado na plataforma CMA. Atualmente, a fábrica de Gent produz o 100% elétrico XC40 Recharge e uma versão PHEV do XC40.

“Ninguém sai a ganhar: nem as marcas, nem o consumidor, nem o ambiente”, diz a Volvo

Javier Varela, Head Global Industrial Operations & Quality da Volvo Cars, refere que o futuro da marca é elétrico e que os clientes “estão a apreciar a nova gama Recharge”. O responsável da Volvo mantém o compromisso assumido pela marca de continuar a eletrificar a sua gama e salienta a importância da fábrica de Gent: “está a tornar-se numa fábrica pioneira na nossa rede de produção global”.

Até 2025 a Volvo espera que 50% das suas vendas mundiais sejam de automóveis elétricos, com a restante quota a ser preenchida por modelos híbridos.