A expressão que melhor descreve o processo rápido de transição para a mobilidade elétrica do construtor automóvel alemão pode ser “o grande salto da Volkswagen”, frase legitimada por este vídeo dirigido ao mercado norte-americano, no qual a importância desta mudança é comparada com a chegada do homem à lua em 1969.

 

Visto o vídeo ganha sentido a escolha de MOON para designar o mais recente passo no caminho rumo à total eletrificação da frota de todas as marcas, prometida até 2050, e que agora passa também por Portugal.

Contudo, mais do que limitar-se a propor soluções integradas de carregamento, a MOON vai também operar como rede de postos de carregamento, pronta para servir todos os automóveis eletrificados, independentemente da sua marca.

Além de, naturalmente, comercializar equipamentos de carregamento, cujas características são mostradas no final do texto com mais detalhe.

As quatro fases da MOON

A MOON é uma marca do grupo PHS, Porsche Holding Salzburg.

No final de 2019, a PHS assumiu o controlo da SIVA em Portugal e, no início deste ano, também dos destinos da marca SEAT no nosso País.

SIVA passa a representar SEAT e CUPRA em Portugal a partir de 2021

Com praticamente todas as marcas do grupo Volkswagen sob controlo, perante o forte impulso que a mobilidade elétrica conheceu em Portugal nos últimos dois anos, a MOON é a resposta à natural necessidade de propor soluções de carregamento para os clientes destas viaturas.

Soluções que podem servir todos os veículos do grupo Volkswagen mas não só.

Porque embora existam propostas completas (veículo/carregador/instalação e operação, se necessário), a disponibilidade de postos de carregamento ou as wallbox comercializadas (ver no final do texto) podem servir qualquer automóvel elétrico ou híbrido plug-in, independentemente de pertencer ou não ao grupo Volkswagen.

Com a vantagem adicional de todas as soluções poderem beneficiar de financiamento assegurado pelo Volkswagen Financial Services.

João Paulo Rias, VWFS: “a eletrificação pode ser uma oportunidade para o renting” (II)

Player da mobilidade elétrica

Com isto, a MOON não fica confinada aos automóveis do grupo ao qual pertence.

Assumindo-se como um OPC, Operador de Posto de Carregamento, vai disponibilizar postos públicos de carregamento rápido (de 75 kW a 300 kW) ligados à rede Mobi.e.

Os primeiros Power Chargers da rede MOON, compatíveis com todos os veículos elétricos e híbridos plug-in convencionais, vão ser instalados nos concessionários Volkswagen, Audi, Skoda e SEAT até ao final de 2021.

Na fase de lançamento estarão apenas disponíveis os de 75 kW.

Mas a partir de 2022 está prevista a expansão a território nacional, com instalação de postos de capacidade mais elevada, sempre que as condições o permitirem.

A aposta nas empresas

A MOON permite que os concessionários das marcas representadas pela SIVA possam elaborar propostas completas na área da mobilidade elétrica.

Além destas soluções integradas (veículo/ponto de carregamento/instalação), a MOON quer também apoiar as empresas na transição para a mobilidade elétrica, abrindo novas possibilidades para as necessidades de carregamento com investimentos sustentáveis.

Soluções que passam não só pela instalação dos carregadores mais adequados para cada caso, como também pela garantia da melhor utilização possível da potência disponível.

O que significa que a oferta de serviços pode incluir tecnologia geradora de energia e acumuladores de eletricidade (baterias), em sistemas totalmente ecológicos e que podem evitar investimentos adicionais de reforço da rede de abastecimento elétrico das instalações.

Exemplo disso, são as soluções combinadas de produção e armazenamento de energia (que pode ser “verde”, obtida através de painéis fotovoltaicos, por exemplo), para ser posteriormente utilizada de forma circunscrita em débitos de elevada potência, como ocorre nos carregamentos rápidos de veículos elétricos.

Além de poder garantir um nível de autossuficiência que depende naturalmente da produção de energia e das necessidades de consumo, a utilização destes acumuladores independentes pode também ajudar a evitar a sobrecarga da rede elétrica das instalações. Ou até dispensar a necessidade de efetuar obras de reforço da potência do abastecimento elétrico vindo do exterior.

O que pode permitir, por exemplo, operar com os Power Charger da MOON de maior capacidade (que permitem carregar 80% da bateria do Volkswagen ID.3 em menos 30 minutos), com entrega de energia a partir de acumuladores que receberam energia vinda de fontes de baixa potência.

Ou seja, a MOON tem capacidade para contribuir para o desenvolvimento de um sistema empresarial ecológico e sustentável (ou até autónomo) de produção de energia

Oferta para particulares

Todos os utilizadores vão poder contar com o benefício de uma rede mais alargada de postos públicos de carregamento ligados ao sistema Mobi.e.

Especificamente para instalação doméstica, a MOON disponibiliza wallbox com potências de 3,6 kW (modelo Basic) a 22 kW (modelo Connect).

Podem servir tanto para clientes particulares como para os utilizadores de viaturas da frota de uma empresa efetuarem o carregamento na sua residência.

Para total flexibilidade e mobilidade de carregamento, o carregador portátil POWER2GO consegue trabalhar na mesma gama de potências: 3,6 kW a 22 kW CA.

Este carregador portátil é completamente distinto e mais evoluído do que o adaptador habitualmente fornecido com um carro elétrico ou híbrido plug-in.

Todos os clientes podem ainda contar com uma equipa de aconselhamento, verificação antes da instalação, preparação para instalação e montagem.

Moon

Não existem ainda preços definidos para Portugal mas o site internacional da MOON pode dar algumas pistas sobre o custo de alguns equipamentos.

Consulte aqui os carregadores da Moon que vão ser comercializados em Portugal.