A EDP vai instalar até 150 pontos de carregamento rápido em cerca de 75 restaurantes da McDonald’s espalhados por Portugal.

Até final do ano, a elétrica espera ter instalados os primeiros 100 pontos de carregamento rápido nos parques de estacionamento dos restaurantes McDonald’s.

Os equipamentos, ligados à rede pública MOBI.E, poderão ser utilizados pelos clientes que possuírem cartão de mobilidade elétrica de um CEME (Comercializador de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica) e vão permitir vários tipos de carregamento, entre corrente contínua ou alternada.

edp carregamento

O cliente que utilizar o cartão Mobilidade Elétrica EDP e for cliente residencial da EDP Comercial tem um desconto no carregamento.

De acordo com a elétrica, esta é a maior parceria em número de pontos de carregamento estabelecida pela EDP Comercial até hoje. “Não só vai permitir aumentar de forma significativa a rede pública MOBI.E” como também vai contribuir para a transição energética na mobilidade nacional e na descarbonização da economia portuguesa, diz a EDP.

Um milhão de postos de carregamento elétrico públicos na Europa em 2024

Vera Pinto Pereira, presidente da EDP Comercial, diz que esta parceria é fundamental para o desenvolvimento de uma rede pública de carregamento “mais conveniente, capilar e, por isso, inclusiva”.

Para a responsável da empresa, a associação à McDonald’s é motivo de satisfação. Relembre-se que esta parceria reforça uma relação que ambas as empresas mantêm – que se iniciou com soluções de eficiência energética para a cadeia de restauração.

Inês Lima, diretora geral da McDonald’s Portugal, por sua vez, destaca que esta parceria visa “sensibilizar e promover a adoção dos veículos elétricos”, ao mesmo tempo que tornará a experiência de ida a um restaurante McDonald’s “uma experiência cada vez mais sustentável”.

Até final do ano a EDP quer ultrapassar os mil pontos de carregamento em Portugal. Até 2025, a EDP quer ter 40 mil pontos de carregamento público e privado.