O novo Hyundai IONIQ 5 é a primeira aposta da submarca IONIQ dedicada exclusivamente a veículos elétricos (VE) e já chegou a Portugal.

A partir de 50.990 euros, o IONIQ 5 vem, nas palavras dos responsáveis da Hyundai, “preparado para revolucionar o sector automóvel”.

E a identidade do IONIQ 5 salta à vista, com linhas (interiores e exteriores) vindas diretamente do futuro para 2021.

 

O IONIQ 5 é um crossover urbano de tração traseira construído sobre a Plataforma Modular Global-Elétrica (E-GMP) do grupo Hyundai que servirá de base tecnológica para a próxima geração de veículos elétricos a bateria (BEV) da marca.

Este novo CUV 100% elétrico, disponível nas versões Vanguard, Plug & Power e Plug & Power + Teto Solar, carrega consigo algumas tecnologias dignas de registo, de entre as quais se destacam:

  • Tecnologia Vehicle to Load (V2L): torna o IONIQ 5 numa unidade móvel de carregamento elétrico capaz de carregar outras soluções motoras eletrificadas (BEV ou PHEV) ou equipamentos elétricos (110/220V)
  • Tecnologia 800V: carregamento elétrico dos 10 aos 80% em 18 minutos ou 100 km de autonomia conseguidos em 5 minutos
  • Hyundai Smart Sense: nível de segurança garantido pela Assistência à Condução em Autoestrada, Cruise Control Inteligente e outros sistemas de assistência ao condutor
  • Bateria de 72,6 kWh: garante uma autonomia combinada de 481 km e urbana de 686 km

Preços Hyundai IONIQ 5

Uma powerbank móvel

A Integrated Charging Control Unit (ICCU) desenvolvida da Plataforma E-GMP representa um passo em frente no que respeita aos carregadores existentes, que geralmente permitem – apenas – que a eletricidade flua numa única direção a partir de uma fonte de energia externa.

Assim, a ICCU permite a função V2L, que pode descarregar energia da bateria do veículo sem componentes adicionais.

Assim, os BEV baseados na E-GMP podem operar outros equipamentos elétricos em todo o lado. Além disso, o IONIQ 5 pode, por isso, carregar outros BEV.

Ao mesmo tempo que confere eficiência no que respeita a acomodação de baterias e conforto interior, a plataforma E-GMP permite ainda capacidades de carregamento mais elevadas e uma maior autonomia.

A plataforma E-GMP

Visto tratar-se de uma plataforma dedicada, muitas serão as vantagens quando comparada com as plataformas já existentes do grupo que acomodam motores de combustão.

A E-GMP foi desenhada com o intuito de reduzir a complexidade através da modularização, permitindo o desenvolvimento flexível de produtos que poderão vir a ser utilizados na maioria dos segmentos do grupo coreano.

Concebida para garantir melhor performance em curva e estabilidade em velocidades mais altas, a plataforma E-GMP tem o seu peso distribuído entre a dianteira e traseira do veículo e permite um centro de gravidade mais baixo.

A bateria, colocada entre os bancos dianteiros e eixos traseiros, encontra-se protegida por uma estrutura de suporte feita de aço. Em caso de colisão, a energia é absorvida graças às secções de absorção de energia da carroçaria e chassis.

A plataforma oferece uma distância entre eixos de três metros, o que resulta num maior espaço interior para ocupantes.

Smart Living Space a bordo

São estes três metros de distância entre eixos – proporcionados pela plataforma E-GMP – que garantem a habitabilidade normalmente conferida apenas a veículos de grandes dimensões.

E foi com base nesta distância entre eixos que os designers da Hyundai aplicaram o tema Living Space ao interior.

De facto, do contacto que a Fleet Magazine teve com o IONIQ 5, foi possível confirmar o elevado nível de habitabilidade a bordo, conseguido graças à ausência de túnel de transmissão e à Universal Island, um esquema de design que possibilita aos passageiros entrar e sair livre e facilmente do habitáculo.

Também a bagageira, com uma capacidade de 527 litros, vê a sua capacidade aumentar para 1.587 litros quando rebatidos os bancos traseiros (60:40).

À frente, no capot, está disponível uma bagageira dianteira com capacidade até 57 litros.

A capacidade de reboque do IONIQ 5 é de até 1.600 kg.

Baterias e performances

Equipado de série com uma única bateria de 72,6 kWh, o IONIQ 5 beneficia de uma capacidade de carregamento de alta velocidade de 800V, sendo capaz, por isso, de carregar em carregadores de 350 kW.

Ao mesmo tempo, é capaz de um carregamento rápido de 400V, sem a necessidade de componentes adicionais ou adaptadores.

O sistema de carregamento múltiplo do IONIQ 5 permite, utilizando o inversor do veículo, uma carga de 400V convertida em 800V para que possa ser armazenada na bateria.

Já a unidade motriz de 160 kW (217 cv) garante um binário imediato de 350 Nm ao IONIQ 5, que conta com três modos de condução: “ECO”, “Normal” e “Sport”.

Todas as versões do IONIQ 5 têm a sua velocidade máxima limitada a 185 km/h.

O Hyundai IONIQ 5 conta ainda com as seguintes garantias:

  • 7 anos sem limite de quilómetros
  • 8 anos de garantia da bateria de alta voltagem
  • 7 anos de Assistência em Viagem
  • 7 anos de check ups anuais gratuitos durante a vida útil do modelo.

Hyundai Motor Group junta-se à IONITY, a rede europeia de carregadores de alta potência

Assistência ao condutor

Equipado com os mais recentes equipamentos de assistência ao condutor Hyundai Smart Sense, o IONIQ 5 conta com:

  • Assistência à Condução em Autoestrada (HDA 2) com assistência de mudança de faixa de rodagem
  • Cruise Control Inteligente (SCC)
  • Assistência de Acompanhamento da Faixa de Rodagem (LFA)
  • Sistema de Manutenção à Faixa de Rodagem (LKA)
  • Sistema de Informação da Velocidade Máxima (ISLA)
  • Sistema de Controlo Automático dos Máximos (HBA)
  • Radar de Ângulo Morto (BCA)
  • Alerta de Fadiga do Condutor (DAW)
  • Travagem Autónoma de Emergência (FCA) com deteção de veículos, peões e ciclistas
  • Junction Turning
  • Junction Crossing
  • Lane-Change Oncoming
  • Lane-Change Side com Sistema de Direção Evasivo
  • Alerta de Passageiros nos Bancos Traseiros (ROA)
  • Sistema de Ajuda ao Arranque em Subida (HAC)
  • Sete Airbags, incluindo airbag do lado central do condutor
  • eCall

Um IONIQ 5 conectado

Este CUV 100% elétrico integra um head-up display de realidade aumentada (AR HUD) que projeta toda a informação relevante na linha de visão do condutor.

Além disso, inclui ainda um painel de instrumentos de 12,3 polegadas, AVN de 12 polegadas, integração com sistemas Android Auto e Apple CarPlay, bem como carregamento de telemóveis por indução.

Acresce ainda a tecnologia Bluelink da Hyundai, que permite a definição de rota e perfis de utilizador, bem como o carregamento à distância e a navegação até ao destino.

Ensaio Hyundai IONIQ 5. O carro indiscreto

Não é possível conduzir este carro e passar despercebido. Ao volante, sentimo-nos como um viajante no tempo que voltou alguns anos antes ao mesmo local. Mas se a descrição faz lembrar o filme "Regresso ao Futuro", nada tem de ficcional: o carro existe no presente e já roda em Portugal.

A cabeça dos transeuntes gira e acompanha a passagem do carro com um olhar curioso, enquanto na estrada os condutores dos outros veículos vão abrandando e acelerando para apreciarem melhor cada ângulo ou deliciarem-se com a iluminação, principalmente a da traseira, do Hyundai IONIQ 5.

Mas se o traço exterior justifica tal atitude, o interior mostra-se menos futurista: não existem grandes ecrãs para servir de espelho a certos egos e as fichas da Hyundai foram colocadas na racionalidade (oferecer o que realmente é necessário) e na funcionalidade (visão clara e com poucos reflexos, operações intuitivas e, principalmente, ação muito precisa das funções operadas pelo tato no ecrã central de 12,3 polegadas).

Importa frisar que o IONIQ 5 é um carro grande. Não devido aos 4,64 metros que tem de comprimento, antes pelos 1,89 metros que apresenta de largura e, sobretudo, por causa dos quase três metros de distância entre os dois eixos, sem túnel central para atrapalhar.

Carregamento rápido

O IONIQ 5 testado possui um motor elétrico de 218 cv instalado no eixo traseiro, alimentado por uma bateria refrigerada de 73 kWh. Provavelmente, a combinação mais equilibrada entre autonomia e desempenho.

A autonomia anunciada em cidade é de 686 km e, durante o ensaio, foi possível ultrapassar os 400 km sem esgotar a bateria, conduzindo em cidade e muito em estrada, sem exagerar na condução e na velocidade.

Por falar em velocidade, a bateria carrega de forma ultrarrápida, quando ligada a um posto de carregamento com capacidade para fazê-lo: recupera de 10% a 80% de energia em 18 minutos, a um ritmo de 100 quilómetros de autonomia a cada cinco minutos.

Mas como postos com potências elevadas de carregamento, por enquanto, não há muitos em Portugal, num posto rápido de 50 kW precisará de cerca de uma hora para atingir 80% da carga ou mais de seis horas se estiver ligado a um equipamento de corrente alterna de 11 kW de potência.

IONIQ 5

Mais características técnicas e imagens do IONIQ 5

Impressões

A condução tem tanto de vanguardista como de descomplicado. O formato do volante é inovador, mas funciona exatamente da mesma forma, enquanto os comandos, seja no que respeita à condução elétrica (destaque para as patilhas, atrás do volante, para controlar a capacidade de regeneração), quer as que se referem ao sistema de conectividade, navegação ou de som, são de uma funcionalidade espantosamente intuitiva.

E com poucos botões físicos à vista, até o controlo eletrónico do sistema de climatização, destacado do ecrã central, funciona de forma exemplar.

É sobretudo um carro familiar, que acelera o suficiente para mostrar a impulsividade de um carro elétrico e, muito importante, que curva com segurança. Mérito da plataforma que fica muito perto do solo e da distribuição dos módulos da bateria (e do peso) ao longo da base, que ajudam a baixar ainda mais o centro de gravidade.

Mais Informações sobre preços do Hyundai IONIQ 5