O Grupo Cooltra lançou o eCooltra Empresas na cidade de Lisboa, um serviço de scootersharing baseado num sistema de tarifa fixa.

Para dar resposta às necessidades das empresas e dos seus colaboradores no gradual regresso ao trabalho, providenciando deslocações seguras e sustentáveis, o serviço eCooltra Empresas permite definir uma tarifa fixa mensal por colaborador entre diferentes preços, a partir de 11 euros por pessoa.

As tarifas, adaptáveis segundo as necessidades das empresas, incluem 20 ou 40 minutos de transporte diário, de Segunda-feira a Domingo.

Timo Buetefisch, CEO e fundador do Grupo Cooltra, refere que o aumento de utilização das motas da empresa, desde que foi restabelecido o serviço depois do confinamento, tem-se verificado especialmente nas horas de entrada e saída do trabalho. “Oferecer uma mobilidade segura, sustentável e eficiente aos trabalhadores é agora uma das prioridades das empresas que, ou não podem implantar o teletrabalho devido à sua área de atuação, ou optaram por um sistema rotativo”, diz.

eCooltra renova frota automóvel numa parceria com a Nissan

Segundo o INE, o número de pessoas em teletrabalho cresceu 23,1% no segundo trimestre deste ano. Ainda assim, apesar da recomendação por teletrabalho, nem sempre é possível como primeira opção, pelo que se mantêm deslocações pontuais às sedes das empresas.

A solução eCooltra Empresas já se encontra disponível também nas cidades de Barcelona, Madrid, Valência, Milão e Roma.