A nova geração Multivan marca o regresso da Volkswagen ao transporte de passageiros, com inspiração no mítico “Pão de Forma”, mantendo a continuidade de uma história que se começou a desenhar há décadas e que agora chega a Portugal com propostas híbridas e a gasolina – o diesel está prometido, mas só para o final de 2022.

Numa fase inicial, a Multivan chega em três níveis de equipamento: Multivan, Life e Style e com uma série especial Energetic, com mais equipamento.

A grande novidade para as empresas é a versão fiscal: uma VW Multivan híbrida plug-in Life com um preço abaixo dos 35 mil euros (s/ IVA).

multivan

Um rápido olhar sobre a nova Volkswagen Multivan

Assenta na plataforma transversal modular MQB do grupo alemão e, segundo a Volkswagen Veículos Comerciais, inicia agora em Portugal uma nova era de mobilidade.

Está mais segura, mais confortável, mais inteligente, mais conectada e, acima de tudo, “mais sustentável”, diz a marca.

A nova VW Multivan transporta sete passageiros e tem uma volumetria de até 4.053 litros de espaço para bagagem, sendo capaz de rebocar até 2 toneladas. “[A Multivan] tem espaço em abundância”, diz Albert Kirzinger, diretor de design da VW.

Outra das vantagens anunciadas é o facto de, quando associada a dispositivo eletrónico de cobrança de portagens, esta MPV ser Classe 1 nas portagens portuguesas.

Volkswagen Taigo: o Polo da moda

Mais longa, mais larga e mais evoluída

A nova Multivan, na sua versão base, está mais longa em comprimento e mais larga. Conta com 4,97 metros de comprimento, 1,90 metros de altura e 1,94 metros de largura. Já a distância entre eixos é de 3,12 metros.

Mais tarde a VW prmete uma versão longa, com um comprimento de 5,17 metros e uma distância entre eixos idêntica à versão base.

Relativamente a espaço, a capacidade de bagagem situa-se entre os 469 e os 4.053 litros.

Quanto a inovações, a Multivan conta com algumas novidades tecnológicas até aqui desconhecidas pela gama, como é o caso da abertura da porta traseira eletricamente (opcional), operada através de um controlo pelo pé. Esta funcionalidade também estará disponível em combinação com as portas deslizantes, que abrem e fecham eletricamente (de série na versão Style e níveis superiores). Para as versões Multivan e Life, ambas equipadas de série com duas portas deslizantes operadas manualmente, a função é opcional.

A abertura de portas automática também pode ser controlada a partir do interior, com botões de comando localizados no painel de instrumentos, à direita do sistema de infotainment.

Da tecnologia de iluminação, destaque para os interativos IQ.LIGHT – faróis Matrix LED, propostos opcionalmente em alternativa aos faróis LED de série.

Interior versátil

A VW diz que esta nova Multivan tem “o sistema de bancos mais flexível de toda a história do ‘Pão de Forma’”.

Se for necessário espaço adicional, os bancos podem ser facilmente removidos, por exemplo. Bancos giratórios permitem um frente-a-frente das segunda e terceira filas. Um sistema de calhas contínuo garante que todos os bancos podem deslizar para a posição pretendida.

Além de tudo isto, os assentos individuais das duas filas traseiras são até 25% mais leves, e possuem mesas rebatíveis.

Ao volante, o painel de instrumentos é equipado de série com um Digital Cockpit e o sistema de informação Ready 2 Discover, integrado com os serviços online do We Connect e do We Connect Plus.

Destaca-se ainda o serviço online móvel We Connect Fleet, com Digital Logbook, Fuel Logbook, Driving Efficiency, GPS Tracking e Route Information, Consumption Analyser e Maintenance Management, ideal para quem possui frotas de Multivans.

A Multivan de que se fala

É a chegada da Multivan à condução zero emissões que merece todo o destaque.

A Volkswagen decidiu equipar a Multivan com um conjunto híbrido plug-in (eHybrid). Assim, alia um motor a gasolina 1.4 TSI de 150 cv a um motor elétrico de 85 kW (116 cv), garantindo uma potência conjunta de 218 cv entre as 4.900 e as 6.500 rpm e um binário máximo de 350 Nm.

A VW pensou nos ocupantes, que habitualmente têm o seu espaço comprometido quando a bordo de um veículo híbrido plug-in. A bateria de iões de lítio de 13 kWh, responsável por uma autonomia elétrica de 50 km, está alojada debaixo do piso, o que permite poupar espaço e baixar o centro de gravidade do monovolume.

Equipada com uma transmissão automática de dupla embraiagem de seis velocidades (DSG), a Multivan eHybrid promete uma autonomia total de até 700 km (em ciclo WLTP), apresentando consumos de combustível (NEDC) entre 1,5 e 1,6 l/100 km.

Carregar a Multivan eHybrid

Todas as versões híbridas plug-in vêm equipadas com cabos para carregamento rápido ou em tomadas de 220V.

Assim, os tempos de carregamento anunciados da MPV híbrida são os seguintes:

Cinco horas numa tomada doméstica padrão
Três horas e 40 minutos num posto de 3,6 kW

Soluções de carregamento MOON integradas

Através da marca MOON, a VW vai oferecer soluções de carregamento para utilização em postos públicos, além de wallbox’s para carregamento rápido em casa.

Nuno Serra é o novo diretor da MOON, marca de mobilidade elétrica da SIVA

Multivan, por agora, só a gasolina ou híbrida

Numa fase inicial, a Multivan chega a Portugal equipada com dois motores turbo a gasolina e um conjunto eHybrid de tração dianteira. Mais para o fim do ano a VW já prometeu uma versão TDI de quatro cilindros, com 150 cv.

A gama a gasolina divide-se em:

  • Bloco 1.5 TSI, com transmissão DSG de sete velocidades. Potência máxima de 136 cv entre as 5.000 e as 6.000 rpm. O binário é de 220 Nm e os consumos combinados (NEDC) situam-se entre os 6,6 e os 6,7 l/100 km
  • Bloco 2.0 TSI, com transmissão DSG de sete velocidades. Potência máxima de 204 cv entre as 5.000 e as 6.500 rpm. O binário é de 320 Nm e os consumos combinados (NEDC) não ultrapassam os 7,7 l/100 km

Um “Pão de Forma” autónomo

Este é o primeiro “Pão de Forma” a incluir IQ.DRIVE Travel Assist – conta com mais de 20 sistemas de ajuda à condução. De série há soluções como o Car2X (sistema de alerta local), o sistema de monitorização da área de assistência dianteira ou a travagem de emergência em cidade, por exemplo.

Graças ao IQ.DRIVE Travel Assist, o condutor da nova Multivan pode usufruir de uma condução autónoma entre os 0 e os 210 km/h. Incluídos neste pacote de assistênticas estão também o Cruise Control Adaptativo com assistente de colisão frontal e travagem de emergência autónoma – um sistema concebido para os estradistas, já que mantém e controla a velocidade da Multivan tendo em conta a distância do veículo da frente.

Acresce ainda o sistema Lane Assist, que deteta os limites da faixa de rodagem através de uma câmara multifunções e corrige a trajetória caso as linhas sejam ultrapassadas.

Dos restantes sistemas de assistência disponíveis na Multivan, destaque para:

  • Swerve support com turn-off assist (de série em todos os modelos)
  • Controlo de distância do parqueamento dianteiro e traseiro / Park Distance Control (de série na versão Life)
  • ESC com ABS, ASR e EDL (de série em todos os modelos)
  • Proteção lateral (integrada no Trailer Assist, Area View e Park Assist)
  • Sistema de Alerta do Condutor (de série em todos os modelos)
  • Sistema automático de travagem pós-colisão / Automatic Post-Collision Braking System (de série em todos os modelos)
  • Sistema de emergência eCall (de série em todos os modelos)
  • Câmara de vista traseira (Rear View) de série na versão Style)
  • Trailer Assist (sistema de manobra de reboque)
  • Dynamic Road Sign Display (de série em todos os modelos)

multivan